domingo, 27 de novembro de 2011

Sobre amadurecer


Amadurecer. Tenho ouvido essa palavra a algum tempo desde que algumas coisas me aconteceram, e percebi que muitas pessoas falam isso, mas que não sabem o que ela realmente significa. Me diz, o que é amadurecer? É crescer e começar a ter responsabilidades? Tem mesmo certeza de que é apenas isso?
Amadurecer vai muito além, muito além de tudo que podem te dizer. A pouco tempo, pouco mesmo, me disseram que amadurecimento vem com o tempo, e que não devemos busca-lo. É algo natural, algo que chega e quando você para pra pensar, enxerga o quanto amadureceu. Não é algo que qualquer um consegue perceber. É algo de nós mesmos, algo que nunca vão mudar, consegue entender? Amadurecer é quando você tá pronto. Isso, quando tá pronto. Como uma fruta.
Todos nos falam sobre amadurecer, mas nunca nos falam como é apodrecer. Como é ter perdido o tempo que você estava pronto, e o que fazer quando já não há mais tempo.
Talvez isso seja um texto de em que me refiro ao tempo que perco, e ao mesmo tempo de amadurecer com esse tempo que estou perdendo. Apesar de tudo, não sinto que estou apodrecendo, sinto que estou mais forte. E isso me faz perceber que não somos como as frutas, mas se não nos esforçarmos, nos tornaremos como tais.
Enfim, nem amadurecer, nem apodrecer. Saberei quando estiver pronta.

sábado, 26 de novembro de 2011

Dose certa

Estava um pouco cansada, e apesar da dor em seus pés, m seu rosto estavam um sorriso perfeito - e sincero -. Tanto tempo, tanto tempo, tanto tempo, quase nada. Esperou a semana toda para aquele dia, parecia uma criança na semana do aniversario. Sabe quando algumas horas fazem valer a pena todos aqueles dias por quais você esperou? Então... Estava feliz sim. Ela já havia se acostumada com pouco, que tudo que estava acontecendo já parecia muito.
Quando chegou, e seus olhos encontraram o teto de seu quarto, não podia conter a felicidade. Parecia que conseguia lembrar de cada sorriso, cada piada, cada olhar...
Se sentia mais confusa, como já era natural. Mas estava feliz, não muito, mas o suficiente.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Metades

Um pedaço de papel meio rasgado, meia dúzia de pratos meio sujos, alguns copos meio vazios, e duas pessoas meio felizes. Era tudo que ela conseguia enxergar, pelo menos naquele momento. Os dois estavam quase ali, se não fosse por suas mentes que estavam longe demais. Ela pensando no quanto gostava dele, e ele pensando quando finalmente saberia o que ela sentia.
Estavam os dois pela metade, mas ainda faltavam muitas coisas para finalmente se sentirem completos. Eles poderiam fazer muitas coisas naquele momento, mas a verdade é que meio amor ainda não é suficiente.
Seus olhares se encontraram no meio de tantos meios, e não foi preciso dizer nada. Suas mãos apenas se tocaram, e foi o suficiente pra saber, que meio amor, é amor também.

terça-feira, 22 de novembro de 2011

mais do que suficiente

Garoto gostaria de ter a mesma inspiração que costumava ter quando nos conhecemos... Não é que hoje meu sentimento por ti seja menor, mas garoto, hoje eu sinceramente gostaria de dizer essas palavras no pé do teu ouvido. Cansei de querer mostrar pro mundo um sentimento que é só meu.
Muitas coisas aconteceram, desde quando tudo começou... E olha onde estamos? Exatamente no mesmo lugar. Por um momento acreditei que sentia falta do que você costumava ser, mas depois querido, depois que realmente te conheci... Ah meu bem, como gostaria de voltar no tempo só pra te abraças mais vezes...
Gostaria que estas palavras que escrevo chegassem para ti, mas por algum motivo, eu não consigo. Mas sei lá, se você por alguma milagre cósmico do universo está lendo isso, obrigado. Não, não me pergunte porque... Só sinto a grande vontade de te agradecer, talvez por só estar na minha vida...
P.S. Pode ser que não seja tudo isso, mas esse pouco me faz feliz...

poderá gostar também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...