quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Futuras lembranças de verão


O sol estava nascendo bem devagar. Era aquele momento que o céu ainda esta escuro, mas as silhuetas começam a ficar visíveis. Aquele sorriso estava se iluminando, e tudo que eu queria era que não amanhecesse, queria que o céu ficasse daquele jeito para sempre. Eu queria que aquele rosto meio iluminado congelasse para que eu pudesse observa-lo. Ele me abraçou com força, e me beijou. Ele me beijou por tanto tempo, que quando abrimos os olhos tudo já estava mais claro.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Nossa história não vai virar samba-enredo meu amor

Tudo parece complicado, mas na verdade é bem simples. É tão simples o jeito como suas mãos tocam nos meus ombros nus, e o beijo que começa de uma forma despretensiosa vira totalmente pretensioso de repente. Eu adoro essa tua simplicidade. Minha pele, meu corpo, tudo responde de uma forma instantânea aos acontecimentos. É tudo simples meu amor.
E o jeito como você parte, como se nada disso tivesse acontecido. Como se de repente nada disso tivesse realmente algum valor. E nós sabemos. Não tem.

poderá gostar também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...