quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Nossa história não vai virar samba-enredo meu amor

Tudo parece complicado, mas na verdade é bem simples. É tão simples o jeito como suas mãos tocam nos meus ombros nus, e o beijo que começa de uma forma despretensiosa vira totalmente pretensioso de repente. Eu adoro essa tua simplicidade. Minha pele, meu corpo, tudo responde de uma forma instantânea aos acontecimentos. É tudo simples meu amor.
E o jeito como você parte, como se nada disso tivesse acontecido. Como se de repente nada disso tivesse realmente algum valor. E nós sabemos. Não tem.
É só mais uma dessas coisas que acontecem durante esses eventos. Você ainda se lembra? Eu não sei se tudo isso foi real. Não pela intensidade dos fatos, mas foram muitas doses, luzes e canções. É muita coisa para se lembrar amor, e afinal é tudo tão simples não é mesmo? Não é necessário os detalhes, apenas os fatos.
Isso é só mais uma das histórias, daquelas que se misturam naqueles dias coloridos de sorrisos. Daquelas que são boas para se contar nos três primeiros dias. Amor, essa nossa história jamais daria um best seller, e nem mesmo um belo samba-enredo. Somos apenas mais dois fantasmas meu amor, fantasmas desse carnaval, fantasmas dessas folias, e dessas alegrias passageiras.
E agora, como todos os outros carnavais, iremos passar. De repente só nos restara ruas vazias de nossas almas sujas, sujas de lembranças, de esquecimentos e arrependimentos, da qual levaremos muito tempo para reorganizar, até que venha o próximo carnaval.

2 comentários:

Barbie Californiana disse...

É raro uma história de carnaval virar amor para vida toda. Você escreve super bem! Parabéns, flor! ^^

Camila Queiroz disse...

Amor de carnaval, amor de verão... é tudo tão bom, mas tão passageiro! Ótimo texto :)

Beijos
outonize.bogspot.com.br

poderá gostar também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...